08:59 am - quarta-feira, 18 outubro , 2017

Archive: Política Subscribe to Política

MEC criará cadastro de diplomas que ajudará a combater fraude

Publicado Por | 27/04/2016 | 0
Para  o  ministro  Aloizio  Mercadante,  o  portal  vai combater fraudesMarcelo Camargo/Agência Brasil
O Ministério da Educação (MEC) vai colocar no ar, em maio, na internet, o Cadastro Nacional dos Concluintes (CNC). Todos os estudantes que concluirem o ensino superior deverão preencher os dados no portal. Com as informações, será possível ter o registro de todos aqueles que se formaram e obtiveram o diploma universitário e acompanhar a carreira dos recém-formados, ajudando em pesquisas e avaliações. “O portal vai ajudar a combater a fraude. Se o diploma estiver no cadastro, é verdadeiro, certificado pelo MEC. Se não, o diploma é falso”, disse hoje (27), em entrevista coletiva, o ministro da Educação, Aloizio Mercadante. Os conluintes deverão acessar o portal e preencher o questionário do estudante. As informações serão disponibilizadas para as instituições

Schahin confirma a Moro propina de R$ 2,5 milhões a diretores da Petrobras

Publicado Por | 21/04/2016 | 0
Foto: ABr
Um dos sócios do grupo Schahin, o executivo Milton Schahin, disse hoje (20) em depoimento ao juiz Sérgio Moro, na 13ª Vara Federal, em Curitiba, que pagou US$ 2,5 milhões em propina a diretores da Petrobras pelo contrato de operação e compra do navio-sonda Vitória 10.000. O executivo afirmou ainda que o empréstimo de R$ 12 milhões tomado pelo pecuarista José Carlos Bumlai ao Banco Schain foi quitado como parte das negociações do grupo com a estatal. Milton Schahin, réu na ação decorrente da 21ª fase da Operação Lava Jato, que apura desvio de recursos da Petrobras, disse que em 2011 foi procurado pelo lobista Jorge Luz para fazer uma negociação sobre o pagamento de US$ 2,5 milhões em propina a diretores da estatal. O pagamento, feito por meio de uma  offshore (empresa

Lula poderá fazer acordo de delação premiada para evitar a prisão

Publicado Por | 21/03/2016 | 1
Lula podera fazer acordo de delacao premiada para evitar a prisao2 reproducao www manchette com br
A situação do ex-presidente Lula se torna mais delicada a cada dia.Entre seus aliados, há o temor de que o surgimento de novas gravações que possam incriminá-lo ainda As perspectivas de que surjam mais revelações comprometedoras decorrentes dos novos acordos de delação premiada também não são boas. Na fila, estão os acordos de Mônica Moura, Pedro Corrêa e a segunda parte da delação do Senador Delcídio Amaral, que promete ser ainda mais devastadora. A situação é tão dramática, que deixa praticamente todos os integrantes do PT em estado de alerta permanente. O temor de que a prisão de Lula possa desencadear uma nova sequência de prisões assusta muitos membros do partido. O que pode ser bom para Lula, pode ser péssimo para muitos aliados, empresários e gente poderosa. A

Ministro da Justiça ameaça a Polícia Federal no caso da Lava Jato

Publicado Por | 20/03/2016 | 0
eugenio FOTO ARAGAO MIN JUSTICA
A foto é de hoje, da Folha. O novo ministro da Justiça, Eugênio Aragão, disse hoje para a Folha de S. Paulo que trocará toda a equipe da PF que vazar informações, mesmo que não tenha prova de que ela seja ou não responsável: - Se houver fumaça, mesmo assim troco na hora. O novo ministro, que é procurador federal, disse que vazamentos e delações premiadas não passam de extorsões e precisam acabar. CLIQUE AQUI  para ler toda a entrevista. “Ele foi colocado ali para acabar com a Lava Jato”, denunciou logo em seguida o presidente da Associação Nacional dos Delegados da Polícia Federal, Miguel Sobral, segundado pelo presidente da Associação Nacional dos Procuradores da República, José Cavalcanti. Leia matéria original em Polibio Braga

Áudio revela que Dilma deu ministério a Lula para evitar prisão do ex-presidente

Publicado Por | 17/03/2016 | 1
resize
Interceptação fazia parte da Lava Jato e teve sigilo retirado por Moro SÃO PAULO – A Operação Lava Jato interceptou na manhã desta quarta-feira (16) uma ligação da presidente Dilma Rousseff para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Na conversa, a presidente afirma que enviou “termo de posse” a Lula, para utilização, em caso necessário. A informação é da Globo News. À tarde, Lula foi nomeado ministro da Casa Civil por Dilma. Com a entrada no governo, Lula passa a ter prerrogativa de foro privilegiado. Com isso, ele será julgado pelo STF (Supremo Tribunal Federal) e não mais pelo juiz Sérgio Moro. O ex-presidente, que foi nomeado chefe da Casa Civil nesta quarta, é investigado pela operação Lava Jato, cujos processos estão concentrados na 13ª

Construtora pagou palestra de Lula antes de contrato, afirma Lava Jato

Publicado Por | 11/03/2016 | 0
Foto: vermelho.org.br
A troca de e-mails entre um executivo da empreiteira OAS e um diretor do Instituto Lula, Paulo Cangussu André, revelam um pagamento por palestra realizada pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no Chile, em 2013, antes mesmo da formalização do contrato. Responsável pelo repasse de R$ 3,9 milhões para o instituto e para a empresa de Lula, a LILS – a OAS é suspeita de ter repassado propina do esquema de corrupção na Petrobras através de pagamentos feitos ao ex-presidente entre 2011 e 2014. Documentos da Operação Aletheia, 24ª fase da Lava Jato que resultou na condução coercitiva de Lula sexta-feira passada, registram a troca de e-mail entre Paulo André, do Instituto Lula, e Dante Fernandes, da OAS, no dia 7 de janeiro de 2014. “Na mensagem, é possível identificar

Ministério Público de SP denuncia Lula por lavagem de dinheiro

Publicado Por | 10/03/2016 | 0
Lula em pronunciamento na semana passada depois que foi interrogado pela Polícia Federal na semana passada Foto: Reprodução (Nelson Almeida/AFP)
Promotores sustentam que ex-presidente teria ocultado propriedade de triplex no Guarujá SÃO PAULO – O Ministério Público de São Paulo formalizou a denúncia contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula Silva no caso do tríplex do Guarujá. A acusação foi protocolada na Justiça de São Paulo, no Fórum da Barra Funda, nesta quarta-feira (9). O MP sustenta que Lula cometeu crime de lavagem de dinheiro ao supostamente ocultar a propriedade do imóvel, que está registrado oficialmente no nome da empreiteira OAS. Procurada pela reportagem, a assessoria de imprensa do MP confirmou que os promotores Cássio Conserino e José Carlos Blat formalizaram a denúncia contra o ex-presidente. Conserino dará coletiva de imprensa sobre o caso nesta quinta-feira (10). O próximo passo é a

A delação de Delcídio

Publicado Por | 03/03/2016 | 0
mi_14607084555818219 DELCIDIO ISTO E
Revelações do senador à força-tarefa da Lava Jato, obtidas por ISTOÉ, complicam de vez a situação da presidente Dilma e comprometem Lula Pouco antes de deixar a prisão, no dia 19 de fevereiro, o senador Delcídio do Amaral (PT-MS) fez um acordo de delação premiada com a força-tarefa da Lava Jato. ISTOÉ teve acesso às revelações feitas pelo senador. Ocupam cerca de 400 páginas e formam o mais explosivo relato até agora revelado sobre o maior esquema de corrupção no Brasil – e outros escândalos que abalaram a República, como o mensalão. Com extraordinária riqueza de detalhes, o senador descreveu a ação decisiva da presidente Dilma Rousseff para manter na estatal os diretores comprometidos com o esquema do Petrolão e demonstrou que, do Palácio do Planalto, a presidente

O que a saída de Cardozo significa para a Lava Jato?

Publicado Por | 01/03/2016 | 0
160229202907_sp_cardozo_lula_640x360_ag.brasil_nocredit
Em meio ao turbilhão causado pela operação Lava Jato, a presidente Dilma Rousseff anunciou nesta segunda-feira que José Eduardo Cardozo deixará de comandar o Ministério da Justiça, após cinco anos à frente da pasta. O cargo passará a ser ocupado pelo ex-procurador-geral da Justiça da Bahia, Wellington César Lima e Silva. Pouco conhecido nacionalmente, Silva teria sido indicado pelo ministro da Casa Civil, Jaques Wagner, ex-governador do Estado. Cardozo não deixa o governo – ele assumirá a Advocacia-Geral da União no lugar de Luís Inácio Adams. Quadro histórico do PT de São Paulo, ele cumpriu mandatos de vereador e de deputado federal antes de se tornar ministro, em janeiro de 2011, início da administração Dilma. É homem de confiança da presidente e, ao ser mantido

Polícia Federal indicia ex-prefeito de Oliveira/MG

Publicado Por | 15/02/2016 | 0
Footo: (Reprodução) Prédio da Polícia Federal em Divinópolis/MG
Outras duas pessoas também foram citadas no processo do OLIVEIRAPREV O ex-prefeito de Oliveira, Ronaldo Resende, e outras duas pessoas foram indiciadas pela Polícia Federal pela prática de gestão fraudulenta no Instituto de Previdência Municipal de Oliveira (OLIVEIRAPREV). A investigação iniciada em dezembro de 2013 foi concluída na semana passada, quando a corporação divulgou um comunicado à imprensa. Além do ex-prefeito, também foram indiciados o ex-superintendente Daniel Queiroz, e a ex-diretora financeira do instituto Aparecida de Lourdes Santos Ribeiro. Se condenados, eles podem pegar de 03 a 12 anos de prisão, por gestão fraudulenta, e de 01 a 05 anos por falsidade ideológica. Segundo a Polícia, eles foram responsáveis diretos pela gestão que causou enormes prejuízos