16:02 pm - quinta-feira, 19 outubro , 2017

Isaquias Queiroz é o maior medalhista Olímpico da Canoagem Brasileira

Publicado Por | 23/08/2016 | 0
Foto: GE
Foto: GE

Isaquias Queiroz e Erlon de Souza deram mais uma medalha para o Brasil na manhã deste sábado, 20 de agosto. Os ateltas disputaram a final do C2 1.000m no Estádio da Lagoa e conquistaram o segundo lugar ao finalizarem a prova no tempo de 3:44.81. Os brasileiros, também atuais campeões mundiais da categoria, lideraram a competição, mas nos segundos finais foram alcançados pelos alemães Sebastian Brendel e Jan Vandrey que terminaram a prova com o tempo de 3:43.91. A dupla Dmytro Ianchuk e Taras Mishchuk da Ucrânia conquistaram o bronze tendo cruzado a linha de chegada após 3:45.94 de prova.

Foto: Alexandre Loureiro/Exemplus/COB

Foto: Alexandre Loureiro/Exemplus/COB

“O desempenho do Isaquias e do Erlon mostra toda a dedicação da dupla aos Jogos Olímpicos Rio 2016. A conquista de mais uma medalha e o resultado recorde da Canoagem Brasileira nos enchem de orgulho e felicidade, além de mostrar que a parceria da GE com a Confederação Brasileira de Canoagem deixou um verdadeiro legado para o esporte nacional”, celebra Rafael Santana, presidente e CEO da GE para a América Latina.

Esta foi a melhor campanha da Canoagem Brasileira em todos os Jogos Olímpicos. Foram conquistadas 2 medalhas de prata e 1 de bronze.

Com as 3 medalhas conquistadas nos Jogos Rio 2016, Isaquias Queiroz passa a ser o maior medalhista brasileiro em uma mesma edição de Jogos Olímpicos.

“Estamos muito contentes com as excelentes conquistas dos nossos atletas e com o patrocínio da GE à Confederação Brasileira de Canoagem. É com esse tipo de parceria que conseguimos desenvolver cada vez mais a canoagem no Brasil, sempre buscando voos mais altos”, ressalta João Tomasini Schwertner, presidente da CBCa

Patrocínio à CBCa

O acordo da GE com a Confederação Brasileira de Canoagem vai além do investimento para ter a marca exibida durante as competições oficiais da entidade e nos uniformes e embarcações das equipes. “Realizamos de maneira inédita uma parceria tecnológica, que incluiu o desenvolvimento de uma tecnologia cujo objetivo era contribuir com os treinamentos dos atletas, inclusive em longo prazo, trazendo informações mais rápidas para os treinadores”, revela Rafael. Fonte: GE

email
Categoria: Brasil, Esportes

Sem Comentários ainda.

Deixe seu Comentário