03:12 am - sexta-feira, 28 abril , 2017

Ônibus de Guarujá e Bertioga podem parar na sexta-feira

Publicado Por | 12/10/2016 | 0
Foto: PMB | Marcos Pertinhes
Foto: PMB | Marcos Pertinhes

Trabalhadores da Guaiúba, Translitoral e Viação Bertioga estão sem receber a cesta-básica

Foto: PMB | Marcos Pertinhes

Foto: PMB | Marcos Pertinhes

Os 5.390 passageiros que utilizam os ônibus de Guarujá e Bertioga, além do seletivo de Santos, podem ficar sem transporte coletivo na sexta-feira (14). Isso porque os trabalhadores da Guaiúba, Translitoral e Viação Bertioga estão sem receber a cesta-básica, no valor de R$ 105,00, desde o 5º dia útil do mês.

A promessa é de que tudo seja acertado quinta-feira(13), sem falta, mas até lá fica a expectativa de greve. Já os salários, o vale-refeição de 25 de setembro e as férias, que também estavam atrasados, foram acertados nesta terça-feira.

“Eles pagam uma parte dos trabalhadores e esperam, com isso, romper a unidade da categoria. Mas o pessoal não aceita a divisão e quer o pagamento de todos”, explica o presidente do Sindicato dos Rodoviários, Valdir Pestana.

No entanto, a assessoria de imprensa responsável pelas três empresas informou à Reportagem , por meio de nota, que o pagamento já está regularizado. “O atraso ocorreu em função da situação econômica que o País atravessa. O desemprego refletiu, substancialmente, na queda do número de passageiros transportados e vale-transporte”.

No Guarujá, circulam 80 mil passageiros por dia em 36 linhas, sendo que 1/3 é gratuidade. Já em Bertioga, 10 mil passam todos os dias, com também 1/3 de gratuidade nas seis linhas de ônibus. Nos seletivos de Santos, a média é de 5.300 passageiros por dia nas sete linhas. Leia materia original em

email
Categoria: Bertioga, Guarujá

Sem Comentários ainda.

Deixe seu Comentário