09:12 am - quarta-feira, 18 outubro , 2017

Aprovação de contas de Beto Mansur faz Vereador Adílson Júnior/PT perder a liderança…

Publicado Por | 24/02/2012 | 0
N_223028486338
Quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012 – 23h29

Câmara de Santos

’Quebra de confiança’ faz Adilson Júnior perder a liderança

A primeira sessão da Câmara Municipal de Santos após o Carnaval foi marcada pela volta do vereador Adilson Júnior (PT). O parlamentar estava afastado por causa de um acidente sofrido em 6 de fevereiro, mesma data que a plenária aprovou as contas do ex-prefeito Beto Mansur (PP) referentes a 2003. Dias depois, a mesma sessão foi cancelada em função de uma liminar obtida pelo Partido dos Trabalhadores na 2ª Vara da Fazenda Pública de Santos.

Em seu retorno, o vereador teve uma surpresa, já que perdeu a liderança da bancada do partido na Câmara, sem seu conhecimento. “Não há motivos para esse ato. Foi uma decisão unilateral. Vou procurá-los para saber o que aconteceu. Quero deixar claro que não desrespeitei o PT. Eu sofri um acidente”, desabafou
Júnior. Ele foi substituído pelo companheiro de legenda, Reinaldo Martins.

Créditos: Irandy Ribas
A vereadora Cassandra Maroni (PT) afirma que a troca está de acordo com o estatuto do partido. “A liderança é eleita. A bancada se reuniu e apresentou sua decisão”. Ela acrescenta ainda que Júnior não participou da reunião porque estava de licença e justifica a mudança como “quebra de confiança”.

Independente disso, ele se diz tranquilo e enxerga como positivo que a anulação da sessão favorável a Mansur seja mantida. “Estou pronto para a pauta. Havia anunciado desde o ano passado que votaria contra o ex-prefeito”.

Créditos: Irandy Ribas
O vereador acredita que, aparentemente, há um racha na legenda, mas confirma que vai continuar no partido. “Não pretendo sair do PT. Tenho ótimo relacionamento com o ministro da Educação Aloizio Mercadante, com a senadora Marta Suplicy

email
Categoria: Política, Principal, Santos

Sem Comentários ainda.

Deixe seu Comentário